sábado, 21 de outubro de 2017

Look do dia: Zara Jumpsuit


Eu vivo obcecada com esse macacão, viram? Juntei uma camisa e umas sandálias, e deu a perfeita combinação para os dias quentes de Outono. Tudo no black & white! (Vamos todos não ligar para a minha tentativa de fazer carona, hehehe!)








Macacão, Zara, 29,95€
Camisa, Zara, 19,95€
Sandálias, Aldo
Mala, Zara, 29,95€
Batom, Kylie Cosmetics, 29$


E aí, gostaram deste look? Como usariam o macacão?

Beijinhos,
Sara Fernandes

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

A Saga dos Desodorizantes "Saudáveis"


Quem por aí se lembra daquela altura em que andavam a circular notícias sobre as consequências graves de utilizar um desodorizante comum? Eu até não sou muito de ligar a essas coisas, mas dessa vez algo me cativou e, a partir daí, comecei a minha busca incessante por desodorizantes “saudáveis” (isto é, se isso existe mesmo!), que se traduzem em desodorizantes fabricados com ingredientes o mais natural possível.

Comecei a minha análise pelos desodorizantes do supermercado. Eu, que até aí usava um belíssimo Nivea, comprei um Narta Natural, cuja embalagem fazia referência aos ingredientes naturais. Este era constituído na sua grande maioria por Pedra de Alume. Eu não sabia o que isso era, mas ok, tudo ok, parece algo em que se pode confiar. Continuei a usá-lo durante meses a fio, e adorava. Não notava qualquer diferença em termos de durabilidade comparado com o desodorizante normal. Até que... desapareceu das prateleiras (e ainda bem!)! Andei a saltitar de desodorizante em desodorizante, todos feitos a partir de Pedra de Alume, mas nenhum me agradava, ou era o cheiro, ou era as poucas horas de durabilidade... havia sempre alguma coisa de errado. E, apesar de se denominarem "naturais", tinham muitas substâncias que não eram tão naturais quanto isso. Determinada a não desistir, recorri ao que todos recorremos quando temos dúvidas: Google! Graças a esse grande mestre da sabedoria descobri a Dr. Organic, uma marca de produtos cosméticos naturais. Têm óleos, pastas de dentes, loções corporais, toalhetes, etc... Experimentei os desodorizantes e, sim, estes são mesmo naturais. Cada desodorizante tem uma base de produção diferente, existindo 12 no total. Já experimentei o de Tea Tree (Melaleuca), Pomegranate (Romã) e Manuka Honey (Mel de Manuka). Não gostei muito do cheiro do primeiro, mas os outros são deliciosos, bem docinhos como eu gosto. Em termos de durabilidade, não duram tanto como um desodorizante normal, mas duram bastante (aguentam o dia todo)! Podem comprá-los no Celeiro e custam 6,69€.





Também são fãs de algum produto natural?
Beijos,
Sara Nogueira



sábado, 22 de abril de 2017

Look: Polka Dot Dress













Vestido, Zara, 29,95€
Chapéu, Stradivarius
Botas, Primark
Batom, Kylie Cosmetics, 29$

Gostaram? Eu adoro a combinação do mini-vestido largo com as botas over-the-knee!

Beijinho,
Sara Fernandes

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Wishlist: RIHANNA X PUMA Fenty Bow Trinomic

Olhem só para estas coisinhas lindas! É o mais recente modelo da Rihanna para a Puma e foi hoje lançado em mais duas cores. Inclusive este branco pérola, capaz de conquistar qualquer menina.
Quero, quero, quero!
Custam 159,99€ e por cá podem encomendar na Foot Locker. Corram porque costumam esgotar muito rápido!





Há por aí mais alguém encantado com estas lindezas?

Beijos,
Sara Fernandes

quinta-feira, 30 de março de 2017

Trend Alert: Espartilho


Começou lentamente a aparecer como um acessório para levar ao ginásio, com a promessa de ajudar com a barriga lisinha. Rapidamente passou para o dia-a-dia e a ser usado por baixo da roupa para evidenciar a silhueta. E, agora, parece que as marcas recuaram até ao tempo dos castelos, das princesas e dos dragões, para nos trazer uma reinvenção do espartilho. Estão por todo o lado, numa versão mais pequena e menos sufocante para as mulheres (espera-se!), quase como se fosse um cinto.








Adoro ver com vestidos mais largos porque dão forma ao corpo, mas não gosto tanto quando é colocado sobre roupa justa.

Para mais detalhes, é só clicar na imagem.
Já estou a imaginar os looks que dá para fazer com eles!
Alguém aí está a pensar usar?


Beijos,
Sara Fernandes

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

The Oscars 2017: The Best Dressed


Desta vez decidi começar pelas minhas preferidas. A escolha foi difícil, pois a passadeira deste ano estava recheada de boas decisões.


Taraji P. Henson em Alberta Ferretti
STUNNING! Não há palavras suficientes no dicionário que consigam descrever este look. Transmite todo um glamour hollywoodiano como não via há muito tempo. Vestido, sandálias, penteado, maquilhagem e acessórios: Nota 10.


Chrissy Teigen em Zuhair Murad
Quem aí também concorda que esta mulher está sempre perfeita? Só não foi a minha preferida devido ao cabelo, estava com um ar demasiado "despenteado" para o tipo de vestido.


Hailee Steinfeld em Ralph & Russo
Hailee Steinfeld apareceu com um look romântico muito suave, não me canso de olhar. Tão jovem e já está a arrasar na passadeira vermelha mais cobiçada do Mundo.


Zuri Hall em Uel Camilo
A apresentadora do E! a colocar o seu nome no topo com este vestido cor de lavanda. É, particularmente, um vestido difícil de assentar bem aos comuns mortais, mas, a parte de baixo a começar no sítio certo (abaixo da anca e do bumbum), acaba por evidenciar o corpo de Zuri.


Sofia Carson em Monique Lhuillier
A estreia de Sofia Carson nos Óscares não podia ter corrido melhor da melhor forma. E, como tal, o vestido tinha que ser digno de um conto de fadas. Coincidência ou não, é que esta menina é a protagonista do mais recente filme Cinderella Story: If the Shoe Fits.


Viola Davis em Armani Privé
A vencedora do Óscar de Melhor Actriz Secundária escolheu um vestido vermelho vivo que fica lindíssimo no seu tom de pele e realça as suas curvas. Pronta para receber a estatueta!


Qual foram os vossos preferidos?

Beijos,
Sara Fernandes







Inside the Oscars




Ontem foi noite de Óscares, a premiação das premiações. Com várias acusações dirigidas a Donald Trump, o ponto central de discórdia desta edição (parece que todos os anos há um!), a cerimónia foi apresentada por Jimmy Kimmel, que só por isso merece um Óscar. A condução do programa feita por Jimmy foi divinal, com momentos de muito humor (podem contratar o Jimmy todos os anos, ok?), inclusive a entrada de turistas durante a cerimónia e até a chuva de doces constante.






O filme com mais Óscares foi La La Land, que ganhou o prémio de Melhor Actriz Principal, Melhor Realizador, Melhor Fotografia, Melhor Direção Artística, Melhor Banda Sonora e Melhor Canção Original. E, La La Land até ganhou o Melhor Filme, mas o envelope foi trocado! E, assim, aconteceu a "barraca" da noite. Para quem ainda não viu este filme, vejam que vale a pena, apesar de não ser um filme arrebatador digno do Óscar, está muito bem conseguido. Prendeu-me do início ao fim, e eu nem gosto de musicais!


O grande vencedor foi, afinal, Moonlight, que ganhou o prémio de Melhor Filme. Ganhou também nas categorias de Melhor Actor Secundário e Melhor Argumento Adaptado. Ainda não o vi mas pelo o que vi no trailer e nas críticas, parece-me ser um filme de reflexão para problemas actuais. Estou curiosa!



Alguém já viu Moonlight? Gostaram?

Espero que tenham gostado tanto desta edição como eu!

Beijos,
Sara Fernandes